Law of The Devil

Law of The Devil 04 – Sem Talento para Magia


Clark estava satisfeito com a reação da criança. Ele olhou para a bola de cristal e disse, “Venha, deixe-me ver se você tem talento. Eu concordo em lhe ensinar, mas somente se você tiver talento. Do contrário…”

“O que eu devo fazer?”

“Coloque sua mão na bola de cristal e segure com força. Então pense em algo, pode ser felicidade ou raiva. Algo que mostre suas emoções. Agora vamos ver seu talento.”

“Concentre-se, agora, pense. Tente o seu melhor para pensar na sua memória mais profunda.” Clark disse a Duwei.

Duwei fechou seus olhos e começou a buscar algo em sua memória. Clark viu a bola de cristal começar a brilhar. Ela começou com um brilho fraco mas lentamente foi tornando-se mais forte. O mago ficou surpreso. Ele moveu seus olhos para Duwei e, ‘Hmm?’

 

Duwei não estava sentindo-se bem naquele momento. Ele estava agitadamente pensando em seu passado. De alguma forma ele acabou em outro mundo. Todos os esforços que ele fez, seu sonho, seus objetivos, tudo se foi. Quanto mais tempo ele gastava aqui, e como se ele tivesse acostumado com este mundo, essas memórias estavam lentamente se apagando. A memória de um humano vai se apagando, isto é um fenômeno normal, ainda sim Duwei sentia tristeza.

 

Duwei começou a respirar rapidamente. A bola de cristal tinha o poder de amplificar emoções. Ele podia sentir seu coração batendo, como se estivesse sendo pressionado.

Finalmente uma mão tocou sua cabeça. Uma sensação refrescante veio da mão e acalmou sua mente.

 

“Já está bom, minha criança.” A voz de Clark era indiferente, mas ele chamou Duwei com minha criança ao invés de garoto. Isto demonstra que ele está satisfeito com o talento de Duwei.

 

Nada mal… Você não tem nem seis anos, mas possui talento de um estudante de magia. Sua mana é quase o dobro de uma pessoa normal. E considerando sua idade, estou satisfeito.”

 

Clark recolheu a bola de cristal e disse para Duwei se sentar. “Agora vamos medir seu segundo talento. Eu vou lhe ensinar a magia mais simples. Eu quero que você medite e sinta o poder da natureza. Então me diga o que você sente.”

 

Duwei memorizou o encantamento que Clark o ensinou. Era simples mas tinha uma pronúncia estranha.

 

“Medite com seu coração e concentre-se. Esse é um passo crucial. Muitas pessoas mais talentosas que você não passaram nesta etapa.”

“O que devo fazer?”

“Você não tem que fazer nada. Só conjure o feitiço silenciosamente, então sinta seu redor. Sinta o calor, o frio, ou o som, qualquer coisa serve.”

 

Clark tirou uma ampulheta e esperou.

Depois de um tempo, Duwei abriu seus olhos e disse “Senhor mago”

“Oh, o que você sentiu”

“E..Eu estou sentindo fome.”

“…”

 

Clark estava desapontado com a resposta. Essa criança tinha um talento de mana excelente, mas não um coração delicado para observar o mundo.

 

Mana é importante mas não o único requisito. Você pode melhorar sua mana através da meditação. Esses que nascem com mais mana somente começaram de um nível maior. Mas poder sentir os elementos mágicos na natureza era a parte crucial.

 

Clark ensinou alguns estudantes. Alguns deles não possuíam um talento em mana como o de Duwei. Ainda sim, um deles podia ouvir o som do vento com metade do tempo a ampulheta. Depois ele tornou-se um mago do vento.

Esses com talento Real conseguem produzir algo nesta etapa. Em outras palavras, Duwei não podia tornar-se um mago. Que pena.

 

Quando o conde viu a face de Clark assim que saiu, ele soube o resultado.

 

“Conde Raymond, me desculpe mas seu filho não tem o talento necessário para tornar-se um mago. Parece que deus não escolheu ele. Você deveria encontrar outro caminho.” Ele pausou por um momento e disse, “Durante meus trinta e seis anos de pesquisa, nunca vi ninguém como seu filho.”

 

Clark suspirou e começou a ir embora. Depois de alguns passos, ele adicionou, “Oh, se ele quiser tornar-se um mago, esta é minha sugestão, deixe ele escolher alquimia. Alquimia é considerada um ramo da magia.”

 

Clark balançou sua mão e soltou um pó dourado. Seu corpo desapareceu em uma boal de fogo.

 

A face deste conde estava cheia de desapontamento quando Duwei saiu da sala. Nunca viram alguém como ele por trinta e seis anos, o quão sem talento seu filho é para o mago dizer isto.

 

Ele não possuía talento como guerreiro, e fez o sábio ir embora. O resultado é que Duwei tornou-se o tópico das conversas na cidade.

Onde o futuro dele se encontra? Esta questão assombrava todos na família Roland… exceto Duwei.

 

Se você encontrou um erro de ortografia, ou quer oferecer uma sugestão, selecione o texto e pressione Ctrl + Enter.


View Comments

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: